Dicas para deixar seu cão cheiroso por mais tempo

Seu cachorro – e sua casa – está com mau cheiro? Confira dicas para manter seu pet mais cheiroso – ou apenas livre de odores – por mais tempo.

cachorro tomando banho

Que mau cheiro é desagradável todo mundo sabe. E não é só porque você tem um animal de estimação em casa que você é obrigado a conviver com odores.

Claro, há uma diferença entre “cheiro de cachorro” para “mau cheiro”. Se é o cheiro de cachorro que te incomoda, aí não tem o que fazer. É a natureza.

Além disso, alguns problemas de saúde podem ser a causa dos odores. Aí não adianta correr atrás de perfumes e desodorantes: é preciso tratar o problema.

Pensando nessas e outras, reuni algumas dicas para ajudar a reduzir o mau cheiro que seu cão emite ou causa, sendo nele mesmo ou em sua casa. Vamos lá?!

Identifique a origem do mau cheiro – pode ser um problema de saúde

Aqui a dica é fazer uma coisa ingrata: aproxime-se do seu pet e sinta seu cheiro bem de perto. Identifique de onde o mau cheiro vem, ou em quais partes costuma ficar mais fedido.

Por exemplo, normalmente as patas e a região das axilas e virilhas são as primeiras a terem um cheiro nada agradável. Isso porque eles lambem e movimentam muito essas áreas. Isso é normal.

Porém, pode ser que o mau cheiro venha de alguma ferida, alergia ou doença, ou até mesmo acúmulo de líquido nas glândulas anais (e, nesse caso, é necessário espremê-las – pois é!).

Outro problema pode ser com os produtos utilizados em seu pet ou em sua casa. Algo pode estar causando reações alérgicas.

Então, a primeira recomendação sempre é: na dúvida, procure um especialista. Se encontrou algo de incomum, leve seu amiguinho em um veterinário.

Evite perfumes e colônias

Isso pode desencadear alergias respiratórias ou na pele, o que acaba piorando o cheiro depois de um tempo.

Além disso, dependendo da qualidade, você vai acabar misturando o mau cheiro com o perfume em vez de resolver o problema.

A meu ver, perfumes e colônias acabam piorando as coisas. Então, evite!

O olfato dos cachorros é muito aguçado. Imagine o estrago que um perfume pode fazer!

Deixe sua casa sempre limpa

Essa é a dica mais óbvia de todas. Um ambiente limpo é um ambiente livre de mau cheiro.

Seu cão anda descalço por aí, além de deitar e rolar no chão. Ou seja, a sujeira da sua casa acaba sendo a sujeira do seu pet também. Portanto, mantenha sempre tudo limpo, e lembre-se de manter o lixo fechado para evitar moscas no local.

Ah, evite limpar o chão com produtos muito fortes. Isso pode causar alergias na pele do seu cão (e aí, além do óbvio, causar mau cheiro).

Troque e lave sempre os cobertores e camas do seu pet

Além de manter a casa limpa, os utensílios do seu pet também devem ser lavados regularmente. Inclusive peitoral, coleira e brinquedos.

Aqui eu casa eu lavo os cobertores, peitorais e brinquedos toda semana, e as caminhas todos os meses. Além disso, no meio da semana eu sempre troco os cobertores pra manter tudo limpinho.

Sobre a lavagem, faça testes aos poucos para ver se seu cão não é alérgico a algum produto. Por exemplo, comece lavando com sabão de côco, e aos poucos migre para algum sabão de confiança e até mesmo passe a utilizar amaciantes.

Se não houver nenhuma reação alérgica (como espirros), as coisas ficarão mais cheirosas!

Evite banho seco

Já fiz alguns testes com banho seco e nunca tive resultados que durassem mais que um dia. E no final, o cão ainda pode acabar ficando com o famoso cheiro de cachorro molhado.

Além disso, pode ser estressante para o animal e fazer mal para a pele, já que não é recomendável que ela seja molhada muitas vezes durante o mês. Afinal, apesar de o nome ser “banho seco”, não tem nada de seco nele!

Há também opções de banho seco com talco. Nunca testei, e quando eu ia comprar pra fazer um teste a proprietária da pet shop falou que não era bom e me recomendou uma solução caseira com cravo (veja no final do texto).

Use sprays hidratantes regularmente

Uma alternativo ao banho seco que é muito mais eficiente, além de fazer bem, são sprays hidratantes.

São mais caros, mas duram bastante. Basta borrifar um pouco nos pelos do seu pet, esfregar um pouco e pronto. Por ser uma pequena quantidade de líquido, normalmente o produto seca sozinho enquanto você massageia os pelos.

Isso pode ser feito todos os dias, ou só quando houver necessidade. Também há alguns sprays com pouco ou nenhum perfume, assim seu pet fica sem cheiro algum.

cão farejando
Que cheirinho gostoso!

Mau cheiro com fezes e gases

Essa parte pode ser bem chata – principalmente ao receber visitas em casa, não é mesmo?!

A primeira coisa a se fazer caso o cheiro seja muito forte e frequente, claro, é procurar um veterinário.

Mas normalmente o problema é – adivinha – a alimentação. Experimente trocar a ração, frutas, petiscos e alimentos em geral que seu cão come. Por exemplo, a Caju não pode comer banana, senão temos problemas técnicos.

Rações e petiscos super premium são opções ideais contra o mau cheiro. Desde que a Caju começou a comer esses alimentos, não tivemos mais problemas com mau cheiro.

Chulé de cachorro?

Sim, cachorro tem chulé! E se você não gosta de queijo, isso pode ser um problemão.

Repetindo: na dúvida, veterinário nele! Pode ser alguma alergia a produto de limpeza, bichinho, fungos ou ferida proveniente de algum caco de vidro, por exemplo.

Lembre-se de que seu pet fica andando descalço por aí, então não tem milagre: não espere um chulé com odor de rosas.

Agora, se você faz uma limpeza constante, principalmente após os passeios, o segredo é sempre secar as patinhas depois da limpeza. Patinhas úmidas = chulé.

E o mau hálito?

O bafo do seu cachorro pode ter a ver com a alimentação ou algum problema de saúde também, como gengivite. Você sabe o que fazer, certo?

Bom, minhas dicas são bem básicas: evitar alimentos com cheiro forte (como peixes) ou simplesmente escovar os dentes do seu cão após cada refeição ou diariamente.

Também há petiscos que ajudam a evitar mau hálito, mas não fazem milagres. Evite petiscos coloridos, com sabor de menta e coisas do tipo – além de conter corantes, podem causar azia.

Cuide sempre da higiene do seu pet!

Dicas caseiras para tirar o odor da casa

Aromatizadores de ambiente quebram um galho, mas não fazem milagres. Confira algumas dicas pra resolver alguns probleminhas com mau cheiro em sua casa ou apartamento:

  • Lavagem de roupa em geral: na hora de lavar os cobertores do seu pet (além de mantas ou protetores onde ele costuma deitar, ou até mesmo suas roupas), utilize um pouco de vinagre branco e bicarbonato de sódio junto com o sabão, na máquina de lavar mesmo. Além de matar bactérias, a combinação de ingredientes deixa a roupa com cheiro mais agradável (não fica com cheiro de vinagre) e remove manchas mais fáceis.
  • Tapetes e sofás sem mau cheiro: espalhe bicarbonato de sódio na região com mau cheiro. Esfregue um pouco e, de preferência, deixe curtir por um dia ou uma noite. Depois, é só aspirar!
  • Spray contra odores: novamente os ingredientes coringa: misture vinagre e bicarbonato de sódio (uma colher de cada é o suficiente) em um frasco de spray. Isso neutraliza odores sem perfumar.
  • Remoção de cheiro de xixi: nem sempre lavar o local é o suficiente para remover o cheiro, não é mesmo? Então, após fazer a limpeza, misture um pouco de água com limão e bicarbonato de sódio e aplique no local. Deixe secar naturalmente.

Dicas caseiras para tirar o mau cheiro do cachorro

Em alguns casos, a proteção do banho pode não durar tempo o suficiente até o próximo banho. Separamos algumas dicas para ajudar com isso também – mas antes de tentar qualquer solução caseira, consulte um veterinário!

  • Desodorante de cravo: junte uma parte de água com uma parte de álcool de limpeza (sem perfume) e um pacote de cravos em uma vasilha. Feche e deixe curtindo por três dias. Depois, basta umedecer um pano e esfregar os pelos do animal. Seca rápido, e por conter álcool é recomendável utilizar um spray hidratante na sequência.
  • Desodorante de vinagre: junte uma parte de água com uma parte de vinagre de maçã em um frasco de spray. Borrife-o em pequenas quantidades e massageie os pelos do cão até secar. Isso, além de eliminar odores, traz benefícios para pelos do cão.
  • Banho a seco com bicarbonato: penteie os pelos do seu pet no sentido contrário, e então espalhe o bicarbonato e deixe curtindo por 5 a 10 minutos. Depois, remova o produto com uma toalha e escove os pelos novamente para tirar os excessos. Isso remove a oleosidade e os odores.

Além disso, mantenha seu pet sempre seco! E uma escovação diária ajuda a remover pelos mortos e também poeira e outras sujeiras.


E você, tem alguma dica infalível? Compartilhe-a nos comentários!

Quantas estrelinhas esse post merece?

Avaliação média: 5
Total de Votos: 1
Dicas para deixar seu cão cheiroso por mais tempo

Receba posts por e-mail!

Digite seu endereço de e-mail para receber notificações de novas publicações por e-mail.

Deixe seu comentário